Por que investir no Tesouro Direto pode fazer você perder dinheiro?

12 de julho de 2021

O Tesouro Direto tem diversas vantagens para os investidores, sendo a segurança uma das mais atrativas. O retorno sobre o investimento já é estimado no momento do aporte, tendo como ponto de partida o valor da Selic no dia que o investimento é feito e a data de resgate do mesmo. Por não contar com tantos fatores “surpresa” no caminho entre o investimento e o resgate, esta é uma excelente escolha para os mais conservadores, mas é possível fazer escolhas mais rentáveis e seguras além das aplicações no Tesouro Direto.

Para quem deseja ver o patrimônio realmente crescendo sem abrir mão da segurança, pode usar o prazo de aplicação a seu favor para conseguir taxas de retorno mais atrativas. Dentro da renda fixa, o CBD (Certificado de Depósito Bancário) é um tipo de investimento que combina estas duas características: retorno atrativo aliado à segurança. Hoje na Golden Investimentos, é possível aplicar em um CDB com vencimento em 5 anos com rendimento IPCA+6,20% – uma ótima oportunidade com baixo risco.

Dentro da renda fixa há ainda diversos outros investimentos que são seguros e têm uma boa rentabilidade no médio e longo prazo. Letras de Crédito do Agronegócio (LCA), Letras de Crédito Imobiliário (LCI), Certificados de Recebíveis do Agronegócio (CRA) e Certificados de Recebíveis Imobiliários (CRI) são aplicações de renda fixa que, em suma, representam empréstimos feitos a setores do agronegócio e imobiliário. A emissão destes títulos fomenta estes setores e custeia operações atreladas a estes segmentos.

Neste caso, o investidor financia as operações de empresas destes setores e recebe o valor do aporte de volta no vencimento do título com o acréscimo da variação do CDI ou da inflação. Outro diferencial desses títulos é que não há a incidência de IOF e de IR sobre as operações.

Se o investidor tem dúvidas sobre o risco e especificidades destas operações, pode solicitar uma reunião com seu assessor na Golden Investimentos para esclarecer suas dúvidas. O assessor de investimentos pode explicar detalhadamente sobre os CRIs, CRAs, LCIs e LCAs e também sobre os diversos títulos do Tesouro Direto. Além disso, ele é o profissional mais adequado para identificar qual é investimento de renda fixa que mais se adequa aos objetivos do investidor, à faixa patrimonial e ao prazo que pretende deixar os recursos empregados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *